Kali Uchis – Isolation


Após alguns anos de espera, chega às ruas o Isolation, o tão aguardado debut de Kali Uchis, a cantora colombiana-estadunidense que ganhou maior reconhecimento após sua participação no elogiado (Scum Fuck) Flower Boy do rapper Tyler, The Creator.

Antes de Isolation, Kali Uchis havia lançado apenas um EP de nome Por Vida, que já contava com faixas produzidas por Tyler, The Creator, Kaytranada e BADBADNOTGOOD. Isolation, apesar de ser o primeiro álbum de Kali Uchis, consolida a cantora entre os principais artistas em ascensão no cenário musical atual, pois conta com uma produção impecável e multifacetada, faixas com letras interessantes e muito bem escritas e participações de peso como Tyler, The Creator, Jorja Smith e Reykon.

A primeira impressão que se tem de Isolation é que este é um álbum recheado de influências. Kali Uchis apresenta grande versatilidade ao navegar por um conjunto diversificado de estilos e influências espalhado pelas faixas.

A cantora navega tranquilamente pelas águas do pop contemporâneo em faixas como “Dead To Me” e “Just A Stranger”, passando pelo R&B clássico em “Flight 22”, “Killer” e “Feel Like a Fool”, pelo R&B alternativo como em “Your Teeth In My Neck”, “Tomorrow” e “Gotta Get Up – Interlude”, pelo eletropop/indie em “In My Dreams” e desembocando no reggaeton e dancehall com “Nuestro Planeta” e “Tyrant”.

As letras das faixas descrevem de forma rica quem é Kali Uchis, seu passado nas ruas colombianas, sua ida para os EUA e as dificuldades de se estabelecer como uma cantora estrangeira em terras norte-americanas, relacionamentos passados e até canções empoderadas e motivacionais como o hit “After The Storm”.

O que impressiona em Isolation é a extrema qualidade de todas as faixas, mesmo navegando entre diversos estilos musicais. O resultado é um álbum sólido, muito bem produzido e capaz de figurar entre os melhores álbuns do ano. Com toda certeza, Kali Uchis é um nome que veio para ficar.

OUÇA: “Nuestro Planeta”, “After The Storm” e “Tyrant”.

Um rapaz latino-americano apoiado por mais de 50 mil manos.

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked